Vídeo do iPhone X tornou-se viral e Apple despediu engenheiro

O iPhone X tem sido o foco de todas as atenções nos últimos tempos. Há um interesse grande no que este novo smartphone da Apple vai trazer e do que vai ser capaz de oferecer aos utilizadores.

Este interesse é de tal forma grande que todos os vídeos que têm surgido na Internet estão a tornar-se virais e são visto por milhões. Um desses vídeos acabou por sair caro a um engenheiro da Apple, que foi despedido porque a sua filha o mostrou na Internet.

A Apple é muito controladora no que toca à apresentação dos seus produtos e trata de forma firme todas as fugas de informação dos equipamentos que ainda não tem no mercado.

Foi precisamente isso que aconteceu recentemente, depois da YouTuber Brooke Amelia Peterson disponibilizar online um vídeo onde mostrava a sua visita ao campus da Apple, onde estava com o seu pai, engenheiro da Apple.

Este vídeo acabou por se tornar viral e levou ao despedimento do seu pai, por ter dado acesso a este equipamento e por ter permitido que este fosse filmado dentro do campus da Apple, onde é proibido capturar imagens para prevenir situações destas.

 

 

Como se pode ver no video acima, nada demais foi apresentado e existem vários vídeos na Internet onde muito mais do iPhone X é mostrado. Brooke Amelia Peterson limitou-se a mostrar algumas das funcionalidades básicas do novo iPhone, que também já tinham sido vistas na Keynote de apresentação.

Depois deste acontecimento o vídeo foi retirado por Brooke Amelia Peterson, mas era tarde demais. A Apple tinha já ativado os seus mecanismos internos para punir estas situações, tendo o engenheiro sido dispensado.

Num vídeo apresentado depois por Brooke Amelia Peterson, ela fala desta situação e apresenta a sua versão dos factos e o que realmente aconteceu.

 

 

Segundo as suas palavras, ela não fazia ideia de que o vídeo iria ter o sucesso que teve e lamenta a posição inflexível da Apple, onde não existe tolerância quando alguém erra.

Esta é uma prova das medidas intransigentes da Apple no que toca às fugas de informação e como trata os seus funcionários que não cumprem as suas regras, mesmo que isto aconteça de forma inocente e sem qualquer ideia de prejudicar a empresa.

Fonte: Pplware